11.12.07

Boas educações... e tal

Descobri hoje que é má educação estar a tomar o pequeno-almoço com várias pessoas e, sem grande alarido, sacar de uma revista e começar a ler. É. Má educação. Sou uma pessoa feia e malcriada porque faltei ao respeito para com os presentes. Como será possível ser perdoado por quem tomou o malfadado pequeno-almoço na presença de um leitor assíduo, e malcriado, da super-interessante (passe a publicidade)? Que poderei fazer para me redimir? Terei que começar a participar activamente nas conversas, sempre muito interessantes e bem-educadas, sobre o preço das fraldas, as aventuras e desventuras dos filhos no recreio da escola, o preço descabido do detergente ou até mesmo aquelas recordações recorrentes de infância que só interessam mesmo a quem as está a recordar? Será que falar ciclicamente sobre o jogo de futebol ou episódio da novela que passaram no dia anterior pode ser considerado a nova "boa educação", politicamente correcta? Por vezes questiono-me se terei mesmo de abdicar da minha revista e passar a olhar para o tecto ou para a janela, tipo autista, para não ter de levar com conversas inúteis e redundantes. Ou terei de aprender a distrair-me com a comida, fazendo bolinhas com o pão e barquitos com os guardanapos de papel quando a conversa não agrada, o que acontece na maioria das vezes? Penso que não o vou fazer. Acho que vou continuar a ser mal-educado. Até arranjei uns jogos porreiros para o telemóvel que funcionam lindamente quando já não há nada para ler na revista.

A todos os bem-educados... um bem haja aqui do rapazola!

3 comentários:

CookieMonster disse...

Ao pequeno almoço?? Ao pequeno almoço tenho aquela atitude autista de fechar os olhos e imaginar que ainda estou na cama!! lol

Agora noutras situações... Aí sim, um jornal no café é uma dádiva, mas geralmente opto por procurar coisas para fotografar (imaginariamente, pq não costumo andar com o tijolo), ou mais frequentemente, meter o açúcar não utilizado na chávena vazia, fazer uma pasta com o restito de café, e fazer esculturas ou desenhos com aquilo... Tenho a certeza que não sou benvindo em alguns cafés por lhes dificultar a lavagem da chávena...

Por acaso nunca me apercebi que alguém pudesse considerar isso falta de educação... Mas também, quem me conhece sabe que sou um disléxico social, por isso...

Sara Guerra...Pensamentos.. disse...

Sabes que mais? é bom saber que existem mais pessoas "mal educadas" no mundo....já não me sinto só assim...
Os outros não conseguem ler essa revista amigo....secalhar até já se esuqeceram de como se lê....bem provável nos dias de hoje......ler é chato, difícil e perde-se muito tempo...tá a ver??...e no final não se fica a saber quanto é que custa aquela mala da Louis Vitton, ou aquela saia da chanel para levar á festa no Budha.....
Parabéns por seres tão mal educado....eu também sou!
;)

Oriana disse...

goooostei!:D